www.bolanaredecn.com

domingo, 1 de maio de 2016

‘Clássico Rei’ emocionante deixa título do Estadual indefinido


Por Ayrton Freire
O Clássico Rei deste domingo (1º) deixou o Campeonato Potiguar indefinido em relação a quem levantará o troféu. Na Arena das Dunas, América e ABC fizeram um jogo emocionante e, no final, o empate por 3 a 3 fez justiça ao que foi apresentado por ambas as equipes na ‘partida de ida’ das finais do Campeonato Potiguar.
Os primeiros gols do jogo foram marcados pelo atacante Rômulo que abriu 2 a 0 para o América durante o primeiro tempo contando com as falhas da defesa alvinegra. Mas, veio a etapa final com o ABC disposto a fazer diferente. Logo no primeiro minuto, o meia Echeverria diminuiu. O paraguaio também conseguiu empatar o jogo minutos depois.
Até que aos 32 minutos, o zagueiro Flávio Boaventura, que no ano passado marcou o gol do título americano, apareceu para desempatar. Ao invés da voadora na bandeirinha que o ‘imortalizou’, o defensor comemorou dançando. Tudo se encaminhava para o triunfo alvirrubro até que, no último minuto de jogo, o volante Márcio Passos empatou a partida. Os dois jogadores já atuaram em seus respectivos adversários.
O ‘jogo da volta’ ocorrerá no próximo sábado (7). ABC e América farão mais um ‘Clássico rei’, desta vez no estádio Frasqueirão, com mando de campo alvinegro. A partida está marcada para às 16 horas e, se um empate voltar a ocorrer, os times definirão o título do Campeonato Potiguar nos pênaltis.
Resumão Técnico
Campeonato Potiguar: América 3×3 ABC; Arena das Dunas.
Gols do América: Rômulo, duas vezes, e Flávio Boaventura.
Gols do ABC: Echeverria, duas vezes, e Márcio Passos.
América: Pantera; Gabriel, Flávio Boaventura, Gustavo e Alex Cazumba; Tiago Dutra (Pedro Ivo), Felipe Macena, Bruno Renan e Cascata; Rômulo (Allan) e Thiago Potiguar (Mateuzinho). Técnico: Carlos Moura Dourado.
ABC: Vaná; Filipi Souza, Montanha, Léo Fortunato (Jerfeson) (Zaquel) e Alex Ruan; Márcio Passos, Erivélton (Chiclete), Echeverria e Lúcio Flávio; Nando e Jones Carioca. Técnico: Geninho.

Nenhum comentário: