www.bolanaredecn.com

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Vaquejada  motiva  disputa  entre  legislativo e STF

Os parlamentares evitam falar abertamente em confronto com o judiciário, mas acreditam que houve um equívoco por parte do STF.
Os parlamentares evitam falar abertamente em confronto com o judiciário, mas acreditam que houve um equívoco por parte do STF.
Em mais um confronto com o Supremo Tribunal Federal (STF), o Congresso Nacional  articula uma proposta para reverter a decisão da Corte que tornou a vaquejada ilegal no início de outubro.  A reação parlamentar foi imediata e, na semana seguinte, quatro projetos com o objetivo de regulamentar a prática foram protocolados.
No inicio de novembro, em tramitação expressa, senadores aprovaram de forma simbólica a proposta que elevava vaquejadas e rodeios a manifestação nacional. A matéria aguarda a sanção do presidente Michel Temer.
Os parlamentares evitam falar abertamente em confronto com o judiciário, mas acreditam que houve um equívoco por parte do STF. A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) crítica o fato de que a Corte não ter realizado nenhuma audiência pública sobre o tema.

Nenhum comentário: